mural

28
Ago

ECONOMIA SUSTENTÁVEL OU ECONOMIA COLABORATIVA: O QUE É?


Por Co_labore

segunda 28 2

á ouviste falar de economia sustentável, economia colaborativa ou nova economia mas não fazes a mínima ideia do que é? Estes conceitos são relativamente novos e, para os novos empreendedores, podem significar uma grande oportunidade de sucesso.

A questão financeira é provavelmente a questão mais desafiante para qualquer empreendedor (digital ou não). Esta é até a questão que mais trava muitos aspirantes a empreendedores, impedindo-os frequentemente de darem o salto.

É aqui que surge a economia sustentável ou colaborativa.

O QUE É A ECONOMIA SUSTENTÁVEL?

Esta nova economia tem por base a colaboração, afastando-se da velha economia de competição. É por isso que é também chamada de economia colaborativa.

Na velha economia na qual eu e tu crescemos, baseamo-nos no tangível, no palpável, para avaliar os nossos resultados e o nosso sucesso. Ao vender um determinado número de um produto, ficamos sem esse mesmo número. É portanto a economia da escassez visto que “as coisas” se consomem com o uso.

Esta nova economia vem acrescentar um novo foco. Vem focar-se também no intangível como é o caso do conhecimento, da criatividade, da experiência ou da cultura. E o que temos vindo a perceber é que, ao contrário do tangível que se esgota com o consumo, o intangível multiplica-se com o uso.

É o que se passa quando escrevo este artigo: ao partilhar informação e conhecimento, eu não só não fico sem eles como eles são multiplicados por cada pessoa que os usará de forma única. Saímos assim de uma economia de escassez para uma economia de abundância.

O EMPREENDEDORISMO NESTA ECONOMIA

Aos olhos da nova economia, para que um projeto empreendedor seja sustentável (e aqui, a sustentabilidade não é apenas financeira), ele precisa focar-se nos dois eixos: o tangível e o intangível.

O tangível diz respeito a duas principais dimensões: a ambiental e a financeira.

DIMENSÃO AMBIENTAL

A dimensão ambiental tem a ver com a infraestrutura de que preciso para trabalhar (espaço físico, material necessário, etc) e a nova economia dá-lhe o nome de economia partilhada. Porquê? Porque vamos partilhar espaços (como é o caso dos espaços de coworking), materiais, uma conexão à internet e por aí fora!

DIMENSÃO FINANCEIRA

A dimensão financeira ganha também uma outra denominação: economia multimoeda. Qualquer serviço prestado ou produto vendido tem um valor que ultrapassa o mero valor financeiro. Tem valor social, emocional, cultural… e todo esse valor é tido em conta.

O eixo do intangível diz respeito a duas outras dimensões: a social e a cultural.

DIMENSÃO SOCIAL

A dimensão social é chamada de economia colaborativa. Nesta dimensão, todas as partes (pessoas, empreendedores, empresas, projetos…) colaboram entre si através da contribuição com o que cada um tem de melhor para oferecer. O resultado é que todos os que colaboram, ganham ou seja, “todos fazem, todos ganham”.

DIMENSÃO CULTURAL

A dimensão cultural é chamada de economia criativa porque assenta no princípio da inovação, do criar algo que ainda não existe.

Para  ler a matéria completa acesse: https://www.nomadismodigital.pt/economia-sustentavel-economia-colaborativa/